Encontre a estirpe ideal com o Localizador de Sementes

O Nosso Processo Editorial | Royal Queen Seeds

Na Royal Queen Seeds, o nosso processo editorial reflete a nossa filosofia. Trabalhamos arduamente para apresentarmos informação cientificamente precisa de forma clara — elaborada por especialistas e revista por pares externos. O nosso conteúdo tem como finalidade educar os nossos leitores sobre tópicos relacionados com a investigação em torno da genética, dos canabinoides e dos terpenos, bem como da ciência do sistema endocanabinoide, da legalização da canábis e das técnicas de cultivo.

A nossa equipa é composta por escritores e jornalistas profissionais que são especialistas nos seus campos de especialização, os quais podem abranger a investigação sobre psicadélicos, as últimas tendências do CBD, a ciência do sistema endocanabinoide e o cultivo orgânico. Em conjunto com o seu conhecimento, eles têm a capacidade de comunicar informação complexa de uma forma que é fácil de compreender. Os nossos ilustradores, fotógrafos e designers gráficos especializados ajudam a dar vida às suas palavras.

Após os nossos escritores realizarem a investigação necessária e elaborarem um artigo, a nossa equipa ajuda a assegurar que cada parágrafo, ilustração e vídeo apresenta informação cientificamente precisa. A nossa equipa de revisão é constituída por biólogos, médicos, especialistas em CBD, cientistas agrícolas, botânicos, nutricionistas e veterinários. Estes profissionais ajudam-nos a manter uma abordagem responsável que garanta que o nosso conteúdo reflete as novidades da investigação e pesquisa mais recentes.

O Nosso Processo Editorial | Royal Queen Seeds

Finalmente, o nosso processo editorial permite-nos comunicar informação precisa, compreensível, fiável e atualizada. Os nossos escritores baseiam nas mais atuais publicações médicas revistas por pares, organizações governamentais e instituições académicas, e os nossos revisores confirmam a validade das suas fontes. Recorrendo a este processo estritamente baseado em evidências, esperamos potenciar a ciência e o conhecimento para derrubarmos o estigma que ainda existe em torno do cultivo, estilo de vida e cultura da canábis.