Na maioria das vezes, fumar canábis resulta em risadas, bons momentos, fome e euforia. Recorde-se da última noite em que tirou umas passas (ou aquilo que consegue lembrar-se da mesma). Muito provavelmente, simplesmente fumou, petiscou, falou profundamente e, de seguida, foi para a cama. Impossível não adorar, certo?

Embora a canábis catapulte-nos para momentos de alegria e prazer na maioria das vezes, há situações em que as coisas não correm conforme esperávamos. Numa determinada altura, todos os fumadores experienciarão o lado negro da erva.

Seja qual for o motivo, a erva pode fazer-nos sentir ansiosos, paranóicos e desconfortáveis. Estes sentimentos podem inclusive escalar para ataques de pânico.

Mas porque é que isto acontece? E de onde vêm estes sentimentos? Continue a ler para explorar o que provoca uma má trip de canábis, como interromper a experiência negativa e como impedi-la em futuras sessões.

O que é uma Má Trip de Canábis?

A canábis tem uma tendência para deixar-nos nos mergulhar em pensamentos profundos. Quando estamos sóbrios, frequentemente deambulamos por entre ideias, pensamentos e pressentimentos num instante. Os pensamentos penetram-se na mente e são prática e imediatamente substituídos consoante ficamos distraídos ou desinteressados.

Este modo normal de funcionar muda quando estamos mocados. A canábis ajuda-nos a mergulhar em cada um dos nossos pensamentos detalhadamente. Embora esta característica ajude-nos quando estamos a escrever um livro, a pintar um quadro ou a demonstrarmos o nosso lado filosófico entre amigos, ele representa inúmeros problemas quando surgem os pensamentos negativos.

Quando estamos num mau estado, em termos mentais, ou damos por nós numa situação arriscada, a canábis amplifica os nossos pensamentos e sentimentos e pode espoletar uma má reação à erva. Podemos facilmente dar por nós numa espiral de pensamentos negativos até ficarmos com pouco fôlego, olhos esbugalhados e a ansiedade a apertar o cerco a cada pulsação.

Na realidade, não há praticamente nada com que se preocupar. Do mesmo modo que a canábis faz com que os alimentos mais rudimentares tenham paladares orgásmicos e a música soe a algo sagrado, esta exerce os mesmos efeitos exponenciais nos nossos pensamentos, quer estes sejam positivos ou negativos.

O que é uma Má Trip de Canábis?
  • A Canábis é um Psicadélico?

Muitas pessoas assumem que a canábis atua como um psicadélico, levando à questão: será que pode flipar com a erva? Claro que sim, por vezes as coisas podem ficar um pouco intensas com a erva, mas esta atua de uma forma diferente quando comparada com os psicadélicos clássicos como o DMT, LSD, psilocibina e mescalina.

Estas substâncias poderosas são definidas pela sua capacidade de induzirem visões intensas e duradouras, alterações emocionais e perceções distorcidas. Elas alcançam este efeito, em parte, por interferirem temporariamente com a sinalização da serotonina no cérebro.

Contrastando, a canábis produz uma moca através do sistema endocanabinoide. O THC, a molécula ativa, liga-se aos recetores CB1 no cérebro, onde exerce os seus efeitos psicoativos. Muitos diferentes terpenos (os químicos que fazem com que a erva cheire bem) também contribuem para os efeitos energizantes ou relaxantes.

No entanto, a intensidade e natureza pseudopsicadélica da canábis muda quando as pessoas a comem. Neste caso, o THC converte-se num químico mais potente e duradouro, conhecido como 11-hidroxi-THC.

Embora muitos consumidores descrevam o consumo de canábis comestível como uma experiência psicadélica, as alucinações são raras e não atuam da mesma forma que a maioria dos "verdadeiros" psicadélicos.

o que Pode Espoletar uma Má Trip na Canábis?

Muitos fatores podem contribuir para uma má trip ou uma má reação à erva, desde o seu estado de espírito antes de fumar a canábis até ao ponto de exagerar em demasia no consumo. Isto tanto pode abater-se sobre os iniciantes mais ansiosos como nos consumidores mais experientes. Consulte alguns dos motivos para as pessoas terem uma má trip com a erva abaixo.

  • Estirpes de Alta Potência

O consumo de demasiado THC continua a ser o principal motivo mais comum para as pessoas sentirem uma má trip com a erva. Fumar ou comer este químicos psicoativo em demasia tem-se tornado algo cada vez mais comum, simplesmente porque as estirpes de canábis estão a ficar cada vez mais fortes a cada ano que passa.

Nos anos 60 e 70, os aficionados da canábis tinham de lidar com erva mal cultivada com níveis fracos de THC. Caso tivessem sorte, talvez conseguissem por as mãos num haxixe importado de alta qualidade. Nos dias de hoje, podemos dispor das lojas de produtos de canábis, clubes de canábis e coffeeshops, sendo que em todos podemos encontrar canábis de alta qualidade.

Os níveis médios de THC nas estirpes de canábis subiram astronomicamente, com quantidades de 30% a serem bastante comuns. Os fumadores iniciantes podem ser facilmente apanhados por estes cultivares potentes, resultando numa moca com uma má experiência.

  • Comestíveis

Os comestíveis catapultam a mente para uma outra realidade. Mesmo que esteja habituado a fumar canábis há vários anos, a experiência com os comestíveis ainda pode facilmente aturdi-lo. A potência, duração e aspeto de certo modo psicadélico da trip mal se parece com os efeitos da canábis fumada.

Caso alguma vez mergulhe na experiência sem precauções e coma mais do que consegue suportar, provavelmente terá uma má trip com a erva.

o que Pode Espoletar uma Má Trip na Canábis?
  • Dabbing

O dabbing bate no corpo e na mente com níveis astronómicos de THC. Os concentrados potentes elevarão o seu sistema endocanabinoide a novos voos caso nunca os tenha vivido antes. Até os fumadores experientes sentirão algumas dificuldades durante as suas primeiras sessões pesadas de dabbing.

Analise-o desta forma; um dab grande fornecerá a mesma quantidade de THC que se encontra num charro bandeira — a diferença é que inala todos esses canabinoides numa única passa.

  • Estado de Espírito

A forma de ingerir a canábis influencia a moca, mas o mesmo pode-se aplicar ao seu estado de espírito. A canábis funciona como uma lupa para os seus problemas. Caso tenha uma tarefa stressante que está a adiar, preocupações financeiras que se acumulam, ou emoções que está a suprimir, muito provavelmente, a erva fará com que estas fiquem na linha da frente da sua mente.

O psicólogo e defensor do consumo de psicadélicos americano Timothy Leary falou publicamente sobre a importância da “definição e cenário” para as drogas psicadélicas. “Definição” refere-se a entrar na experiência com um estado de espírito translúcido e limpo, enquanto "cenário" refere-se a um ambiente externo ideal e tranquilo.

A mesma lógica aplica-se consideravelmente bem à canábis. Tente resolver os seus problemas, ou pelo menos planear fazê-lo antes de fumar para evitar quaisquer experiências desagradáveis. No entanto, por vezes, este impulso na direção certa é exatamente o que precisamos.

Sintomas de uma Má Trip de Canábis

Uma má trip com erva pode manifestar-se de várias formas, desde visões indesejadas até sensações de paranoia que deturpam a mente. Explore abaixo os sintomas mais comuns de uma má trip com erva.

  • Alucinações

As alucinações são raras quando fuma ou come erva, mas estas podem ocorrer. Qualquer um que já tenha devorado vários bolinhos de canábis de uma só vez partilhará as suas anedotas de aliens e cenários geométricos.

Realisticamente, é pouco provável que sinta alucinações após fumar demasiada erva. Mas os comestíveis são uma outra história. Até uma dose oral de 100 mg pode fazer com que a maioria dos fumadores experientes comece a sentir-se ansioso e doses maiores podem levar a alucinações, delírios e um coração acelerado.

Todos estes fatores convergem para uma má moca caso o consumidor tenha pouca experiência a lidar com este estado de espírito.

Sintomas de uma Má Trip de Canábis
  • Paranóia Intensa / Ansiedade

Lembra-se daquela tendência sobre a qual falámos? Aquela em que a erva fá-lo pensar em demasia? Bem, essa característica pode, por vezes, fazer com que os consumidores se sintam desconfortáveis quando sentem uma má reação à erva. Será que aquele indivíduo está a olhar fixamente para si? Será que acabou de deixar cair a sua carteira? Talvez deva confirmar duas vezes só para ter a certeza? Será que aquela pessoa aleatória sabe que estou mocado?

Estas são algumas dúvidas comuns que as pessoas começam a colocar-se quando ficam demasiado pedradas. A canábis deve proporcionar uma experiência divertida e agradável, não uma negativa. Estes sentimentos são um sinal de que excedeu a sua dose pessoal, e de que deve ir mais devagar da próxima vez.

  • Medo

Mastigar alguns comestíveis ou inalar dabs potentes pode levar a uma sensação profunda de medo entre os menos preparados. Desde preocupar-se com as responsabilidades da vida até ao temor existencial sobre o porquê de algo existir, este medo pode bater forte, do nada.

  • Sensações Físicas

Uma má trip também pode manifestar-se como sintomas físicos. Estes incluem:

- Suor
- Frequência cardíaca elevada
- Desconforto estomacal
- Entorpecimento
- Tremores

Como Prevenir a Ocorrência de uma Má Trip de Canábis

Finalmente, uma má trip de erva deriva tanto do seu estado mental como de consumir demasiada erva. Abaixo, encontrará como prevenir uma má experiência com a canábis para evitar sequer ser levado por esta onda:

Limpe a sua mente
Caso algo esteja a incomodá-lo, não se limite a fumar. Dê uma caminhada, assente as suas emoções, medite e respire. Fume apenas assim que tiver atingido aquele estado de paz interna.
Controle aquilo que o rodeia
É mais provável ter uma má trip com a erva na cidade ou em qualquer outro local onde não é suposto ficar mocado. Fume em casa, no seu quarto acolhedor, na natureza, ou na praia, para capturar todas aquelas boas vibrações.
Comece e vá devagar
Controle-se. Dê algumas passas suaves, aguarde para ver como o seu corpo reage e, de seguida, continue. Caso esteja a ingerir dabs e comestíveis, não sinta a necessidade de apanhar os demais. Ingira uma dose baixa. Pode sempre comer mais, mais tarde, caso sinta essa necessidade.

Como Parar uma Má Trip de Canábis

Durante uma má trip com a erva, pode sentir-se oprimido e impotente. Mas não se preocupe. Tenha em consideração o facto principal de que isso terminará em breve. Até lá, há várias coisas que pode fazer para controlar-se e reduzir a intensidade da experiência:

Respire
Quando entramos no modo luta ou voo, a nossa respiração fica irregular. Respire fundo, trabalhe bem a caixa torácica, para que o seu sistema nervoso saiba que está seguro e pronto para relaxar.
Dê uma caminhada
Mova o seu corpo e ponha o seu sangue a circular. O ar fresco limpará a sua cabeça e o movimento acelerará a metabolização do THC pelo seu corpo.
Tome um pouco de CBD
Este canabinoide não-psicoativo relaxá-lo-á e retirará a vertigem da moca.
Beba um pouco de chá medicinal
O alecrim e a erva-cidreira contêm o terpeno relaxante e canabinoide dietético beta-cariofileno, e tranquilizará a sua mente. Tenha sempre estas ervas no seu armário caso chegue a altura de utilizá-las.
Analise atentamente o seu comportamento
Lembre-se, em breve ficará sóbrio. Assimile isto como uma lição. Os sentimentos negros e obscuros chegam sempre à superfície. A canábis limitou-se apenas a mostrar-lhe o que precisa de melhorar na sua vida e a tornar-se a melhor pessoa possível.

Quanto Tempo Dura uma Má Trip de Canábis?

Uma má trip por fumar erva durará sensivelmente 1–2 horas. No entanto, a resposta do seu corpo irá provavelmente reduzir este intervalo de tempo. Caso comece a ficar agitado e receoso, os níveis elevados de adrenalina e doutras hormonas brevemente deixá-lo-á sóbrio.

As más trips com comestíveis duram muito mais tempo, entre 6–8 horas, dependendo da dose.

Pode Ter uma Overdose com a Canábis?

Não, pelo menos não letalmente. Fumar ou comer canábis em demasia pode levar a efeitos adversos, mas não a uma overdose no sentido clássico. As drogas como os opioides representam um perigo real de overdose, dado que atuam nos recetores em áreas do cérebro que governam a respiração. Os recetores de canábis não existem nesta região.

Qual é a Diferença Entre uma Má Trip de Canábis e o Enjoo?

Uma má trip de canábis está associada a efeitos secundários como a ansiedade, stresse e pânico. Embora os sofredores também possam sentir algum desconforto físico, uma má trip e enjoo são duas coisas diferentes.

O enjoo envolve consumir demasiada canábis e sentir os efeitos secundários físicos subsequentes, tais como náusea e uma necessidade irresistível de dormir. No entanto, as pessoas podem sentir o enjoo sem terem uma má trip .

Quando passa por uma destas, fique assegurado de que o fim está à vista. Beba uns goles de água, um pouco de chá quente, respire e saiba que ficará tudo bem.

Assim que tiver passado por uma má trip com a erva, ficará a saber o quanto isso é desanimador. Caso veja um amigo numa situação similar, ajude-o. Utilize as dicas deste artigo para ajudá-lo a ultrapassar este contratempo.

TEM 18 ANOS OU MAIS?

Os conteúdos da RoyalQueenSeeds.com são aconselháveis apenas para adultos e reservados a pessoas com idade legal.

Certifique-se que conhece as leis do seu país.

Ao clicar ENTRAR, confirma
que tem
18 anos ou mais.