Relatório de Cultivo da Purple Queen Automatic

Purple Queen Automatic Grow Report


A Purple Queen Automatic oferece uma moca corporal descontraída para qualquer altura do dia. Caso esteja interessado em cultivar esta estirpe, encontrará inspiração no guia de cultivo semanal abaixo. Descubra como alimentei, reguei e cuidei desta variedade para produzir uma colheita aromática e considerável!

Guia de Cultivo da Purple Queen Automatic: Lista de Equipamento

  • Recipiente: Secret Jardin DS120W 120 × 60 × 178
  • Iluminação: MIGRO 200+
  • Ventilação: Blauberg Turbo - E 100
  • Filtro: Filtro Prima Klima PK 100/125
  • Ventoinha: Ventoinha Oscilante Koala
  • Humidificador: Beurer LB 45
  • Solo: Mistura Ligeira Biobizz
  • Vaso: Vaso Térmico de 11 l
  • Semente: Royal Queen Seeds
  • Nutrição: Nutrição Orgânica RQS e Biobizz

Relatório de Cultivo da Purple Queen Automatic: Fase Plântula (Semana 1)

Dê uma vista de olhos à estratégia que utilizei para transformar a minha semente Purple Queen Automatic numa plântula saudável e vibrante.

  • Meio de cultivo: começando pelo início, retirei o equipamento do interior da minha caixa de cultivo e limpei-o minuciosamente para minimizar as ameaças de pragas e de doenças. De seguida, reinstalei a minha ventilação e filtro, coloquei a minha ventoinha e posicionei o meu humidificador. De seguida, comecei a criar o meu meio de cultivo colocando 5 l de Mistura Ligeira Biobizz no meu Vaso Térmico de 11 l antes de acrescentar o seguinte:

Misturei minuciosamente todos os meus complementos no solo antes de culminar com mais 5 l de Mistura Ligeira Biobizz. De seguida, reguei o solo até ao ponto de saturação.

  • Germinação: decidi simplificar o processo e germinar a minha semente diretamente no Vaso Térmico de 11 l para evitar quaisquer stresses provocados pelo transplante numa fase mais adiantada do cultivo. Cavei um orifício de cerca de 5 cm no centro do meio de cultivo, inseri a minha semente Purple Queen Automatic, cobri-a ligeiramente com solo e pulverizei o local com um pulverizador.
  • Iluminação: pendurei as minhas luzes Migro 200+ no topo da caixa de cultivo utilizando arames para pendurar. Posicionei ambas as luzes a 30 cm horizontalmente do centro da tenda para assegurar uma disseminação uniforme, e 35 cm verticalmente desde do aro do meu vaso. Deixei as luzes a funcionarem durante 24 horas por dia assim que o rebento emergiu.
  • Ambiente: medi uma temperatura média de 26 ºC e humidade relativa de 40%.
  • Estado da planta: no final da primeira semana, a minha plântula situava-se em torno dos 4 cm de altura. Devido ao facto de a casca da semente ter ficado colada na ponta da planta, as folhas cotilédones não abriram totalmente durante este período, levando a algum infeliz alongamento.
Purple Queen Automatic Grow Report

Relatório de Cultivo da Purple Queen Automatic: Fase Vegetativa (Semanas 2–4)

A minha plântula conseguiu finalmente livrar-se da casca da semente e o alongamento parou. No final da fase vegetativa, a minha planta tinha um aspeto saudável, vigoroso e túrgido. Descubra o que fiz para alcançá-lo na próxima secção do meu guia de cultivo da Purple Queen Automatic.

Semana 2

Apesar do longo caule do alongamento inicial, a minha plântula começou a desenvolver o seu primeiro conjunto de folhas verdadeiras e, no geral, parecia ótima. A minha ventoinha ajudou a encorajar um caule e sistema de raízes fortes para contrariar a estatura alongada e fina.

  • Iluminação: reposicionei as minhas luzes para ficarem 35 acima da minha planta e continuei a deixá-las a funcionar durante 24 horas por dia.
  • Nutrientes: hidratei a minha planta no dia 4 da semana com água regulada para um pH de 6,5. Fui extremamente leve com a alimentação devido aos nutrientes que já se encontravam presentes no meio de cultivo. No dia 7 da semana, acrescentei 3,5 ml de ácido húmico líquido e alga marinha a 1,5 l de água e apliquei a solução ao meio de cultivo.
  • Ambiente: usando o meu higrómetro, medi uma temperatura média de 27°C e uma humidade relativa de 40%.
  • Estado da planta: no final da primeira semana de vegetação, a minha planta situava-se nos 11 cm. Tinha desenvolvido vários novos conjuntos de folhas verdadeiras e parecia saudável no geral.
Purple Queen Automatic Grow Report

Semana 3

Durante a segunda semana de vegetação (semana 3, em termos gerais), a minha planta aumentou de altura a pique e produziu inúmeras novas folhas verdadeiras.

  • Iluminação: continuei a manter as luzes a funcionar durante 24 horas por dia, mantendo uma distância de 35 cm do topo da planta.
  • Nutrientes: hidratei a minha planta com 1,5 l de água com pH regulado no dia da semana. No dia 7, acrescentei 2 ml de extrato de peixe líquido a 1,5 l de água para fornecer azoto adicional à minha planta Purple Queen Auto dado que estava a acumular tamanho.
  • Ambiente: a temperatura aumentou ligeiramente para 28 ºC e a humidade para 42%.
  • Estado da planta: no final da semana 3, a minha planta encontrava-se nos 26 cm, tinha desenvolvido mais folhas lança suculentas e não exibia quaisquer sinais de deficiência ou de doença.
Purple Queen Automatic Grow Report

Semana 4

A última semana de vegetação. Durante este período, a minha planta desenvolveu um caule principal extremamente resistente e espesso e começou a formar as pré-flores.

  • Iluminação: o horário de iluminação permaneceu igual; 24 horas por dia, com uma distância de 35 cm do topo da planta.
  • Nutrientes: acrescentei ½ pastilha de Pastilhas RQS Easy Grow Booster a 1,5 l de água e apliquei no dia 3 da semana. No dia 6 da semana, apliquei 1,5 l de água que continha 2,25 ml de CaMg+ para proteger contra potenciais deficiências mais à frente.
  • Ambiente: a temperatura média e a humidade pairaram em torno dos 26 °C e 45%, respetivamente.
  • Estado da planta: a minha planta exibia pré-flores e apresentava 63 cm no final da fase vegetativa.
Purple Queen Automatic Grow Report

Relatório de Cultivo da Purple Queen Automatic: Fase de Floração (Semanas 5–10)

As coisas começaram a ficar excitantes no começo da fase de floração! Os brotos aumentaram rapidamente de tamanho e o forte aroma dos terpenos começou a permear o ar nas últimas semanas. Aqui tem os passos que tomei para manter a minha planta saudável e produtiva.

Semanas 5 e 6

A minha planta aumentou de altura durante duas semanas. Mudei o meu regime de nutrientes para apoiar a formação de flores.

  • Iluminação: reduzi o horário de iluminação para 18 horas ligado e 6 horas desligado. Posicionei a minha lâmpada ligeiramente mais perto da cobertura, a uma distância de 30 cm.
  • Nutrientes: reguei com 1,5 l de água com pH regulado no dia 2 de ambas as semanas. No dia 5, de cada semana, acrescentei o seguinte a 1,5 l de água:
  • 1,5 ml de extrato de beterraba sacarina
  • 1,5 ml de alga marinha líquida orgânica
  • 1,5 ml de fertilizante de floração orgânico
  • 1,5 ml de fórmula de ácido fúlvico e húmico
  • Ambiente: a temperatura pairou em torno dos 25 pC e a humidade relativa nos 45%.
  • Estado da planta: no final das duas primeiras semanas de floração, a minha planta tinha atingido uma altura de 96 cm. As suas flores começaram a desenvolver um aroma subtil e uma camada de tricomas.
Purple Queen Automatic Grow Report

Semana 7

No geral, a semana 7 passou sem quaisquer percalços. No entanto, os sinais de deficiência começaram a dar um ar da sua graça, por conseguinte, mudei a minha estratégia de nutrientes para atender às suas necessidades.

  • Iluminação: continuei a deixar a minha lâmpada ligada durante 18 horas por dia e mantive uma distância de 30 cm do topo da cobertura.
  • Nutrientes: uma vez mais, apliquei 1,5 l de água com pH regulado no dia 2 da semana. Comecei a reparar num ligeiro amarelecimento nas pontas de algumas das folhas lança. Para tentar retificar isto, acrescentei 1,5 ml de CaMg+ e ½ Pastilha Easy Bloom Booster a 1,5 l de água e apliquei no dia 5 da semana.
  • Ambiente: medi uma temperatura média de 25 ºC e uma humidade de 40%.
  • Estado da planta: o amarelecimento das folhas provocou pouca preocupação, dado que sabia que a planta estava a começar a divergir a energia para as flores. A minha planta apresentava 98 cm e o aroma dos brotos tornava-se ligeiramente mais forte a cada dia que passava. Desfolhei algumas das flores lança inferiores para melhorar o fluxo de ar e minimizar o risco de formação de bolor.
Purple Queen Automatic Grow Report

Semana 8

A semana 8 assinalou a última semana de alimentação. Administrei uma última aplicação de nutrientes de floração de espetro integral para acompanharem a minha planta Purple Queen Automatic durante a fase de lavagem que se avizinhava.

  • Iluminação: aumentei o meu horário e luz para 20 horas por dia. A lâmpada permaneceu a 30 cm da extremidade da cobertura.
  • Nutrientes: apliquei os habituais 1,5 l de água com pH ajustado no dia 2 da semana e administrei o seguinte em 1,5 l de água no dia 5:
  • 1,5 ml de CaMg+
  • 3 ml de extrato de beterraba sacarina
  • 3 ml de alga marinha líquida orgânica
  • 3 ml de fertilizante de floração orgânico
  • 1,5 ml da fórmula de ácido húmico e fúlvico
  • Ambiente: a temperatura ambiente ficou-se nos 25 ºC e a humidade relativa nos 40%.
  • Estado da planta: a minha planta parecia produtiva nesta fase e o aroma dos terpenos tornou-se extremamente forte. Devido a alguns dos ramos mais inferiores cederem com o peso das suas flores, atei-os ao caule principal com fitas de jardinagem macias para mantê-los apoiados.
Purple Queen Automatic Grow Report

Semanas 9 e 10

Decidi lavar a minha planta Purple Queen Automatic durante as duas últimas semanas de floração na esperança de alcançar um fumo mais suave.

  • Iluminação: mantive um horário de iluminação de 20 horas por dia e mantive a minha lâmpada a uma distância de 30 cm do topo da cobertura.
  • Nutrientes: apliquei 1,5 l de água com pH regulado nos dias 2 e 6 de ambas as semanas.
  • Ambiente: a temperatura permaneceu nos 25 ºC e a humidade nos 40%.
  • Estado da planta: os brotos começaram a amadurecer nesta fase; os seus pistilos transacionaram do branco para o laranja e os tricomas tornaram-se muito mais leitosos. As folhas lança também ficaram ainda mais amarelas dado que as minhas plantas utilizaram os seus nutrientes armazenados.
Purple Queen Automatic Grow Report

Colheita (Semana 11)

Hora da colheita! Removi as flores dos seus ramos, pendurei um Secador de Erva no topo da minha caixa de cultivo e coloquei os brotos húmidos no interior. Deixei-os secar no escuro com uma ventoinha funcionar num total de doze dias. De seguida, utilizei a Tesoura de Poda Curva RQS para podar a seco as flores e mantive as folhas de açúcar para fazer haxixe. Finalmente, coloquei as flores cortadas em Jarros de Erva para curarem durante 6 semanas. No geral, a minha planta Purple Queen Automatic forneceu-me 65 g de flores secas e aromáticas.

Purple Queen Automatic Grow Report

Atributos Genéticos da Purple Queen Automatic

Os hábeis procriadores da Royal Queen Seeds criaram a Purple Queen Automatic cruzando as estirpes progenitoras Purple Queen e Critical Auto. Conhecidas pelo seu elevado conteúdo de antocionina e grandes quantidades de THC, a Purple Queen passou o seu aspeto bonito e a tendência para produzir carradas de metabolitos secundários. Utilizando esta variedade como base, de seguida, os procriadores trouxeram para a festa a Critical Auto, para fornecer encantadores terpenos e a muitíssimo procurada característica autoflorescente. Este emparelhamento criou uma descendência que apresenta um perfil genético constituído por 80% indica, 15% sativa e 5% ruderalis.

Purple Queen Automatic
Purple Queen x Critical Auto
350 - 400 gr/m2
90-130 cm
6 - 7 Semanas
THC: 16%
Sativa 15% Indica 80% Ruderalis 5%
100 - 150 gr/plant
90 - 140 cm
8-9 semanas após germinar
Calmante, Eufórico

Compre a Purple Queen Automatic

Características de Cultivo da Purple Queen Automatic

Graças à sua natureza indica, a Purple Queen Automatic mantém um tamanho médio, tanto no interior quanto no exterior, tornando-a ideal para os cultivadores que lidam com restrições de espaço. Ela sair-se-á muito bem numa pequena tenda de cultivo ou numa mini estufa ou politúnel. No interior, este cultivar cresce até uma altura de 90–130 cm e produz 350–400 g/m² de maravilhosos brotos roxos. Aplique um pouco de LST na fase vegetativa para mantê-la agradável e compacta caso disponha de pouco espaço. No exterior, esta atinge uma altura de 130 cm quando deixada sem treinar e oferece um retorno de até 150 g/planta. Para alcançar um rendimento máximo, mime esta menina com um composto de alta qualidade e forneça-lhe um adubo vivo em climas quentes para abrigar o solo do sol. Pode contar colher os brotos em apenas 8 semanas após os rebentos emergirem do solo.

Efeitos e Paladar da Purple Queen Automatic

Com um conteúdo THC moderado de 16%, a Purple Queen Automatic exerce uma moca sensível que não o deixará pedrado e sem conseguir fazer mais nada. Embora seja uma variedade com uma pedra considerável em quantidades maiores, ainda pode desfrutar deste cultivar durante o dia para sentir algumas das vibrações descontraídas. Ela também compõe uma seleção perfeita antes de assentar arraial para ver um filme ou ler um livro, graças aos seus efeitos relaxantes, contudo revitalizantes. Após cada passa num charro ou bongo, sentirá sabores cítricos e terrosos a percorrerem toda a sua língua.

TEM 18 ANOS OU MAIS?

Os conteúdos da RoyalQueenSeeds.com são aconselháveis apenas para adultos e reservados a pessoas com idade legal.

Certifique-se que conhece as leis do seu país.

Ao clicar ENTRAR, confirma
que tem
18 anos ou mais.