O Guia de Cultivo da Canábis pela Royal Queen Seeds

Relatório de Cultivo da Sweet Skunk AutomaticRelatório de Cultivo da Sweet Skunk Automatic

Relatório de Cultivo da Sweet Skunk Automatic


A Sweet Skunk Automaticchamou-lhe a atenção? Abaixo, encontrará exatamente como alcancei uma ótima colheita com esta variedade. Irei guiá-lo por cada semana do ciclo de cultivo, partilhando tudo o que fiz para assegurar uma planta saudável e produtiva.

Relatório de Cultivo da Sweet Skunk Automatic: Lista de Equipamento

  • Recipiente: Secret Jardin DS120W 120 × 60 × 178
  • Iluminação: MIGRO 200+
  • Ventilação: TT Silent-M100
  • Filtro: Filtro Prima Klima PK 100/125
  • Ventoinha: Ventoinha Oscilante Koala
  • Humidificador: Beurer LB 45
  • Solo: Biobizz Light Mix
  • Vase: Vaso Térmico de 11 l
  • Semente: Royal Queen Seeds
  • Nutrição: RQS Organic Nutrition

Relatório de Cultivo da Sweet Skunk Automatic: Fase Plântula (Semana 1)

Bem-vindo ao início da fase plântula! Como é óbvio, um cultivo bem-sucedido começa com uma germinação bem-sucedida. Durante este importantíssimo período, juntei um meio de cultivo de alta qualidade, germinei a minha semente e afinei a minha iluminação e ambiente de cultivo.

  • Germinação: ao invés de semear diretamente no substrato, decidi germinar a minha semente em Mudas Pré-cultivadas RQS. Os micronutrientes e compostos biológicos na muda pré-cultivada aumentam as probabilidades de uma germinação bem-sucedida e de uma plântula saudável. Humedeci a Muda Pré-cultivada com um pulverizador, coloquei a minha semente no orifício e mantive-a húmida (mas sem a embeber) até que o rebento emergiu.
  • Meio de cultivo: enquanto esperava que a minha semente germinasse, criei um meio de cultivo que continha compostos biológicos e nutrientes orgânicos. Para começar, acrescentei 5 l de Biobizz Light Mix ao meu vaso de 11 l. De seguida, misturei minuciosamente os seguintes ingredientes:

Uma vez devidamente misturado, acrescentei mais 5 l de Biobizz Light Mix e utilizei as minhas mãos para misturar tudo uma vez mais. Transplantei a minha Muda Pré-cultivada para o Vaso Térmico de 11 l após as primeiras raízes emergirem da muda.

  • Iluminação: pendurei as minhas duas lâmpadas MIGRO 200+ no topo da minha caixa de cultivo utilizando as correias de catraca fornecidas. Posicionei cada uma das luzes a 35 cm horizontalmente da linha média para assegurar uma dispersão uniforme por toda a caixa de cultivo e 35 cm verticalmente do aro do vaso para assegurar o crescimento ideal. Deixei-as a funciona durante 24 horas por dia assim que os rebentos emergiram da Muda Pré-cultivada.
  • Estado da planta: no final da fase plântula, a minha planta tinha atingido uma altura de cerca de 4 cm e tinha desenvolvido o seu primeiro conjunto de folhas verdadeiras.
Relatório de Cultivo da Sweet Skunk Automatic

Relatório de Cultivo da Sweet Skunk Automatic: Fase Vegetativa (Semana 2–4)

Adeus fase plântula, olá fase vegetativa! A minha planta ganhou imenso tamanho durante este período, desenvolvido inúmeros painéis solares orgânicos — também conhecidos como folhas lança. Veja o que fiz durante as primeiras semanas para manter a minha planta saudável e próspera.

Semana 2

A minha planta aumentou consideravelmente de tamanho durante a primeira semana da fase vegetativa. Dado que o meu meio de cultivo já continha inúmeros nutrientes orgânicos, decidi não alimentá-la — com a exceção de algum apoio para o sistema de raízes.

  • Iluminação: mantive as minhas luzes a funcionar durante 24 horas por dia e reposicionei-as para ficarem penduradas 35 cm acima do topo da minha planta.
  • Nutrientes: adicionei 1,5 l de água com pH regulado para 6,2 no dia 1 da semana. No dia 6, alimentei a minha planta com 6 ml de ácido húmico e uma mistura de alga marinha misturada em 1,5 l de água com pH regulado.
  • Ambiente: registei uma temperatura média de 24 ºC e uma humidade relativa de 50%.
  • Estado da planta: no final da semana 2, a minha planta estava túrgida, verde-escura e muito saudável em termos gerais.
Relatório de Cultivo da Sweet Skunk Automatic

Semanas 3 e 4

Se a semana 2 abriu o apetite, a semana 3 certamente que o preencheu. O crescimento acelerou seriamente nesta altura! Durante as restantes duas semanas de vegetação, comecei a alimentar a minha planta com nutrientes vegetativos RQS para suplementar o meio de cultivo com azoto disponível para a planta, bem como outro minerais essenciais.

  • Iluminação: continuei a manter as minhas luzes a funcionar durante 24 horas todos os dias, mantendo uma distância de 35 cm entre as luzes e a ponta da planta.
  • Nutrientes: acrescentei metade de uma Pastilha RQS Easy Grow Booster a 1,5 l de água com pH ajustado e apliquei-o no dia 3 das semanas 3 e 4. Também apliquei 1,5 l de água com pH ajustado no dia 6 de ambas as semanas.
  • Ambiente: registei uma temperatura média de 24 ºC e uma humidade relativa de 50%.
  • Estado da planta: no final da fase vegetativa, a minha planta apresentava uma altura de 30 cm e tinha desenvolvido uma cobertura grande e densa. Reparei ainda que pré-flores estavam a começar a desenvolver-se nos nós.
Relatório de Cultivo da Sweet Skunk Automatic

Relatório de Cultivo da Sweet Skunk Automatic: Fase de Floração (Semana 5–10)

Durante a fase de floração, implementei várias alterações importantes, incluindo um diferente regime de nutrientes para facilitar a floração e alguma desfolhação para melhorar a saúde da planta. Observei sinais de deficiência/doença durante esta altura, contudo, a minha planta superou este breve período e acabou por fornecer uma excelente colheita.

Semana 5

Para arranchar com a fase de floração, troquei a minha estratégia de alimentação. Diminuí a administração de azoto e acrescentei mais níveis de potássio e de fósforo para auxiliar com o desenvolvimento da flor.

  • Iluminação: continuei a deixar as minhas luzes ligadas durante 24 horas por dia a uma distância de 35 cm do topo da cobertura.
  • Nutrientes: não queria apenas boas flores, queria brotos a pingar de resina e repletos de canabinoides. Para alcançar isto, acrescentei Pastilhas RQS Easy Bloom Booster ao meu regime de alimentação para fornecer maiores níveis de fósforo e de potássio. Com os macronutrientes no lugar, também incluí os Micronutrientes RQS Easy Plus para precaver quaisquer lacunas. Este produto contém boro, ferro, magnésio, zinco, molibdénio, cálcio, magnésio e vitaminas B para facilitar as funções fisiológicas essenciais.

No dia 1 da semana, acrescentei um terço de uma Pastilha Easy Bloom Booster a 1,5 l de água com pH ajustado e alimentei a minha planta. No dia 5 da semana, acrescentei um terço de um comprimido de Micronutrientes Easy Plus a 1,5 l de água com pH ajustado e alimentei a minha planta novamente.

  • Ambiente: registei uma temperatura média de 24 ºC e uma humidade relativa de 42%.
  • Estado da planta: durante a semana, desfolhei a cobertura, removendo a maioria das folhas lança inferiores e quaisquer que estivessem a bloquear a luz dos locais de desenvolvimento de brotos. Isto não só melhorou a penetração da luz, como também ajudou a melhorar a aeração e a reduzir as probabilidades de formação de bolor mais tarde na fase de floração. No final da semana 5, a minha planta tinha atingido uma altura de 47 cm.
Relatório de Cultivo da Sweet Skunk Automatic

Semanas 6 e 7

As duas semanas que se seguiram tiveram altos e baixos. As flores começaram a desenvolver-se rapidamente e ficaram cobertas de tricomas e pistilos. No entanto, reparei num sinal de deficiência, doença ou dano dos tecidos que, inicialmente, foi preocupante. Felizmente, consegui remover o tecido afetado e o problema não regressou.

  • Iluminação: reduzi o ciclo de iluminação para 20 horas ligado e 4 horas desligado, mas mantive as minhas luzes a uma distância de 35 cm acima da planta.
  • Nutrientes: no dia 2 de ambas as semanas, alimentei a minha planta com um terço de uma pastilha de Micronutrientes Easy Plus misturada em 1,5 l de água com pH ajustado. No dia 6 de ambas as semanas, alimentei a minha planta novamente acrescentando ⅓ de uma Pastilha Easy Bloom Booster a 1,5 l de água com pH ajustado.
  • Ambiente: registei uma temperatura média de 24 ºC e uma humidade relativa de 40%.
  • Estado da planta: no final da semana 7, a minha planta tinha uma altura final de 49 cm. A meio da semana, reparei em algum amarelecimento nas pontas de várias folhas, juntamente com manchas pretas. Considerando que tinha alimentado generosamente a minha planta, associei isto a uma espécie de patógeno. Desfolhei toda a vegetação afetada e o problema não regressou.
Relatório de Cultivo da Sweet Skunk Automatic

Semana 8

A semana 8 assinalou a última semana de alimentação. A minha cobertura começou realmente a ficar espessa durante este período. Os brotos começaram a inchar seriamente e um forte aroma de terpenos permeou o ar.

  • Iluminação: continuei a deixar as minhas luzes a funcionar por 20 horas todos os dias, a uma distância de 35 cm acima da cobertura.
  • Nutrientes: como a minha planta parecia estar saudável e bem desenvolvida, diminuí os micronutrientes e apliquei uma última dose de nutrientes de floração. Acrescentei um terço de uma Pastilha Easy Bloom Booster a 1,5 l de água com pH ajustado e administrei-a no dia 2 da semana. No dia 6, removi todos os nutrientes e apliquei 1,5 l de água com pH ajustado.
  • Ambiente: registei uma temperatura média de 24 ºC e uma humidade relativa de 40%.
  • Estado da planta: tudo parecia ótimo! Os brotos tinham um aroma incrível e alguns dos estigmas começaram a ficar laranja — um sinal de maior maturidade.
Relatório de Cultivo da Sweet Skunk Automatic

Semanas 9 e 10 (Lavagem)

Retirei todos os nutrientes e lavei as minhas plantas para melhorar a sua suavidade e paladar.

  • Iluminação: as luzes permaneceram ligadas durante 20 horas por dia a uma distância de 35 cm da cobertura.
  • Nutrientes: apliquei 1,5 l de água com pH ajustado no dia 2 de cada semana.
  • Ambiente: registei uma temperatura média de 24 °C e uma humidade relativa de 38%.
  • Estado da planta: o aroma dos brotos tornou-se cada vez mais forte, os tricomas ficaram mais leitosos na aparência e os estigmas ficaram alaranjados. Todos estes sinais indicaram que estava na altura de colher a minha planta.
Relatório de Cultivo da Sweet Skunk Automatic

Relatório de Cultivo da Sweet Skunk Automatic: Colheita (Semana 11)

A hora da colheita — o pináculo de cada cultivo — tinha chegado! Cortei a minha planta pela base e pendurei-a de pernas para o ar a partir do topo da tenda de cultivo. Desliguei as luzes, deixei a ventoinha a funcionar e deixei-as secar por 10 dias. Nesta altura, utilizei a tesoura de poda de pontas curvas para cortar os meus brotos e, de seguida, coloquei-os em jarros com Moisture Fighters e deixei-os a curar por 6 semanas. No geral, obtive um rendimento seco de 80 g.

Relatório de Cultivo da Sweet Skunk Automatic

Atributos Genéticos da Sweet Skunk Automatic

A Sweet Skunk Automatic é um cultivar saboroso e revitalizante que apela à maioria dos fumadores. A talentosa equipa de produção da Royal Queen Seeds criou esta polihíbrida cruzando a Early Skunk, a Critical e uma espécie ruderalis de alto rendimento. Enquanto descendente direta da Skunk #1, a Early Skunk passou um perfil genético de predominância indica e aromas skunky pungentes. Da mesma forma, a Critical proporcionou aromas gasosos e florais à mistura, bem como uma moca confortante e relaxante. A adição da ruderalis acrescentou a cereja no topo do bolo — genética autoflorescente. No geral, a Sweet Skunk Automatic possui uma genética 60% indica, 30% ruderalis e 10% sativa.

Características de Cultivo da Sweet Skunk Automatic

Célere, curta e furtiva. Estes três adjetivos resumem perfeitamente a Sweet Skunk Automatic e tornam-a ideal para cultivadores que lidam com espaço limitado e leis estritas. No interior, esta variedade cresce até uma curta altura de 40 a 80 cm. Pode mantê-la no espetro mais baixo utilizando recipientes pequenos e técnicas de treino. Apesar da sua curta estatura, a sua qualidade genética consegue produzir até 450 g/m² sob a iluminação adequada. No exterior, as plantas crescem mais alto até uma altura de 60 a 100 cm e produzem 60 a 110 g/planta. Independentemente de onde a cultiva, ela passará da semente à colheita em apenas 11 semanas.

Efeitos e Paladar da Sweet Skunk Automatic

A pista está no nome. As flores densas e glaciais desta estirpe produzem um perfil terpeno encantador dominado por notas contrastantes de doçura, terra e skunk. Em termos de efeitos, a Sweet Skunk Automatic possui um conteúdo THC de 15%, resultando numa moca extremamente agradável, mas não avassaladora. Pode fumar esta estirpe a qualquer altura do dia e passar um bom momento, desde o início da manhã com um café até ao final da noite com uma cerveja geladinha.

Tem 18 anos ou mais?

Os conteúdos da RoyalQueenSeeds.com são aconselháveis apenas para adultos e reservados a pessoas com idade legal.

Certifique-se que conhece as leis do seu país.

Ao clicar ENTRAR, confirma
que tem
18 anos ou mais.

Localizador de Guias de Cultivo

Categorias
eKomi silver seal
4.7 de 5
com base em 37804 avaliações