O Guia de Cultivo da Canábis pela Royal Queen Seeds


By Luke Sumpter


Quer cultivar marijuana medicinal? Se sim, prepare-se para embarcar numa viagem transformadora!

Cultivar erva em casa acarreta uma série de benefícios; pode escolher que estirpes cultivar baseado nos paladares e efeitos que lhe apelam e começará a desenvolver um polegar verde à medida que penetra cada vez mais na toca hortícola do coelho.

Não há muito que ultrapasse a satisfação de colher e de desfrutar dos seus brotos.

Porquê cultivar a sua marijuana medicinal?

Embora os cultivadores recreativos consigam alcançar o seu objetivo (ficar mocados) utilizando praticamente qualquer forma de canábis, os consumidores medicinais têm uma lista mais detalhada de efeitos e de características que procuram.

Cultivar a sua erva medicinal permite-lhe experimentar e afinar.

Controlo e autossuficiência

muitos de nós vivem em áreas em que a canábis continua a ser proibida. Estamos limitados à erva de rua, onde cada compra parece-se com um tiro no escuro. Isto torna-se particularmente problemático para os consumidores medicinais que precisam de uma fonte consistente de material de boa qualidade e uniforme. O cultivo de canábis corta com o intermediário. Tem total liberdade sobre os paladares, aromas e efeitos dos seus brotos. Além disso, também desenvolverá a autossuficiência.

Poupe dinheiro a longo prazo

caso esteja à procura de um abastecimento regular, o cultivo da sua canábis, em última instância, significa poupar dinheiro. Lembre-se, estará a evitar o intermediário.

Qualidade

a qualidade da canábis varia drasticamente consoante a origem. As lojas de produtos de canábis disponibilizam flores devidamente secas, curadas e tratadas. Caso esteja habituado à canábis que se encontra na rua, provavelmente já se deparou com uma boa parte de brotos húmidos, bolorentos e com muitas sementes. Também corre o risco de expor-se a contaminação por pesticidas quando compara de uma fonte dúbia. O cultivo das suas plantas orgânicas permitir-lhe-á evitar os problemas supracitados e assegurar qualidade superior.

Trabalhe a sua flora para a sua condição

as variáveis ambientais também impactam a composição química, o que significa que o conteúdo de canabinoides e de terpenos pode flutuar entre diferentes plantas da mesma estirpe. Eventualmente, muitos consumidores de marijuana medicinal descobrem uma mistura de terpenos e de canabinoides que funciona melhor para eles. O cultivo de marijuana medicinal ajudá-lo-á a polir o cultivar mais eficaz para a sua condição.

Um passatempo como nenhum outro

passar tempo na sua divisão de cultivo faz com que o tempo pare e nada melhor do que caminhar pelo jardim com o sol na sua pele e os terpenos no ar.

Prepare-se para utilizar muitos chapéus durante a sua jornada de cultivo da marijuana medicinal. Desempenhará o papel de um fisiologista à medida que começa a compreender o sistema endocanabinoide e como a erva funciona no corpo. Também mergulhará no mundo da biologia do solo à medida que começa a compreender a teia alimentar e como cuidar da vida no meio de cultivo resulta em plantas mais saudáveis. Pode inclusive mergulhar mais aprofundadamente no domínio da bioquímica à medida que se deixa enfeitiçar pelo efeito entourage e pela biologia da planta quando fica fascinado pela biossíntese dos terpenos.

Cultivar marijuana medicinal: resumo do equipamento

Se estiver pronto para dar o salto, precisará de colocar as suas mãos no equipamento certo para tornar o empreendimento possível. Como é óbvio, o seu orçamento ditará que artigos escolhe comprar.

Interior

Uma configuração interior pode varia de uma tenda pequena designada para o cultivo de um lote pessoal até divisões de cultivo grandes que produzem erva suficiente para deixar todo o seu bairro mocado.

  • Tenda de cultivo: uma tenda de alta qualidade de 120 × 120 × 200 cm custar-lhe-á cerca de 100 €. Caso precise de algo mais pequeno, conte gastar cerca de 85 € por uma tenda de cultivo de 60 × 60 × 140 cm.
  • Luz de cultivo: uma luz de cultivo LED de espetro integral de boa qualidade com ventoinhas de arrefecimento e ganchos custam aproximadamente 110 €.
  • Sementes: os packs de sementes variam de preço consoante a estirpe e a quantidade. Como um exemplo, um pack de 5 sementes Stress Killer Automatic custa 37,50 € na loja da Royal Queen Seeds.
  • Vasos: há inúmeros vasos por onde escolher. Os vasos de tecido geotêxtil da RQS promovem o crescimento saudável da raiz e aeração excelente, e custam apenas 8 € pelo vaso de 19 litros.
  • Vasos de arranque da semente Easy Start: aumente a sua taxa de germinação com o Easy Start da RQS, por 6,95 € o pack.
  • Ventoinha: as plantas de interior precisam de uma fonte estável de ar fresco. Conte pagar sensivelmente 30 € por uma ventoinha de boa qualidade.
  • Exaustor: pode adquirir uma ventoinha em linha com 100 mm de 30 W por aproximadamente 55 € para manter o ar fresco a circular.
  • Higrómetro: estes dispositivos ajudam-no a acompanhar a temperatura e a humidade na sua tenda de cultivo por cerca de 13 €.
  • Solo para vaso: um saco de 50 litros de solo para vasos custar-lhe-á sensivelmente 15 €.
  • Nutrientes orgânicos: os nutrientes orgânicos ajudam as suas plantas a encontrar todo o seu potencial durante o seu cultivo, mas requerem diferentes nutrientes em diferentes fases do ciclo de cultivo. Considere o Easy Boost (5,50 €), Easy Grow (13,75 €) e o Easy Bloom (13,75 €).
  • Tesoura de poda: a tesoura de poda curva custa 10,95 € e ajudá-lo-á a podar, a colher e a cuidar dos seus brotos.

No total, precisará de gastar 407,40 € no equipamento listado supra. De seguida, terá de considerar o custo adicional dos vasos extra e de quanta eletricidade utilizará para gerir as luzes e ventoinhas.

Growing Medical Marijuana: Equipment Rundown

Exterior

O cultivo no exterior elimina a necessidade de iluminação artificial. Também pode encontrar estufas de temperatura controlada, politúneis todos catitas e sistemas de irrigação automatizados. No entanto, para quem procura cultivar marijuana medicinal no exterior pela primeira vez, a simples lista abaixo deve bastar:

  • Sementes: utilizando a Stress Killer Automatic como um exemplo uma vez mais, gastará 37,50 € em cinco sementes.
  • Vasos de arranque da semente Easy Start: dê o melhor início de vida às suas sementes com esta peça por 6,95 €.
  • Vasos: os cultivadores de exterior dispõem do luxo de transplantar diretamente a partir do solo. No entanto, os vasos oferecem o benefício da portabilidade; pode deslocar as suas plantas em segurança durante o clima adverso. Os vasos de tecido mantêm o ambiente de cultivo bem arejado e a opção de 19 litros custa 8 € o vaso.
  • Solo para vasos: um saco de 50 litros de solo para vaso custa sensivelmente 15 €.
  • Tesoura de poda: facilite a sua vida ao máximo na hora da colheita investindo 10,95 € nesta ferramenta útil.
  • Nutrientes: torne casa fase do ciclo de vida das suas plantas produtiva com o Easy Boost (5,50 €), Easy Grow (13,75 €) e Easy Bloom (13,75 €).

No total, gastará 105,40 € nos artigos listados supra. Além disso, precisará de gastar um pouco extra em vasos adicionais e em outros equipamentos secundários, como regadores e sachos.

Outdoors

Escolha as suas sementes de marijuana medicinal

Agora é altura de passar pelo, indiscutivelmente, processo mais importante de toda a operação: a seleção da estirpe. Com milhares de variedades por onde escolher, os cultivadores modernos são mimados com a escolha.

Fotoperiódicas vs. autoflorescentes

Quando navega pelas sementes de marijuana medicinal no catálogo da RQS, deparar-se-á com os termos "feminizada" (ou "fotoperiódica") e "autoflorescente". Estes termos referem-se meramente a como a planta entra na fase de floração.

As estirpes fotoperiódicas requerem uma alteração no ciclo de luz para passarem do crescimento vegetativo para a floração. A redução do ciclo de luz no interior engana as plantas e leva-as a produzirem flores na esperança de se reproduzirem.

As autoflorescentes não dependem da luz para entrarem na floração. Elas começarão, simplesmente, a florescer por si após um período definido (2 a 4 semanas), fornecendo um caminho de entrada mais fácil para os iniciantes.

Tipicamente, as autoflorescentes são mais pequenas e apresentam um ciclo de vida mais breve. Por estes motivos, as autos chamam a atenção dos cultivadores novatos. Pode cultivar estas plantas discretas com êxito em espaços pequenos e confinados, e colher um rendimento recompensador no final do processo. Contudo, es estiver a apontar para a maior colheita possível, quererá navegar pelas estirpes Sativa fotoperiódicas que atingem alturas de 3 m e mais além.

Sementes de erva medicinal ricas em THC

A planta de canábis contém mais de 100 canabinoides. O THC e o CBD são mais abundantes dentro da vasta maioria de cultivares disponíveis. Sendo o principal componentes da canábis, o THC catalisa a moca associada à erva. Além de fornecer uma experiência recreativa agradável, alguns consumidores de marijuana medicinal encontram grande alívio quando utilizam estirpes ricas em THC.

Sementes de canábis medicinal ricas em CBD

No sentido oposto ao THC, o CBD não produz qualquer efeito psicotrópico. De facto, até corta a moca provocada pelos efeitos do THC. Decorrem estudos que exploram o potencial deste canabinoide numa miríade de condições, e muitos cultivadores de marijuana medicinal valorizam a translucidez e efeito funcional das flores ricas em CBD.

Rácios THC:CBD diferentes

Caso goste tanto do THC quanto do CBD, pode cultivar estirpes que lhe permitem usufruir do melhor de ambos os mundos. Encontrará imensas estirpes no catálogo da Royal Queen Seeds que oferecem quantidades de THC e de CBD iguais ou, de outra, únicas, incluindo a Medical Mass.

Novos canabinoides

Quanto ao cruzamento da canábis, atualmente, estamos a passar pela ponta de um icebergue muito grande. Na Royal Queen Seeds, demos alguns passos pioneiros na criação de estirpes que oferecem canabinoides não psicotrópicos intrigantes como o CBG e o CBDV.

A importância dos terpenos

Além dos canabinoides, as flores de canábis também produzem muitos outros químicos de interesse, incluindo terpenos. Estas moléculas aromáticas suportam os sabores e aromas únicas de cada estirpe.

Além do sabor, contudo, os terpenos desempenham um papel muito mais significativo. Eles influenciam diretamente o efeito de cada estirpe. Enquanto o limoneno ajuda a limpar a cabeça e a transmitir uma sensação energética, o mirceno contribui para uma sensação de moca e relaxante. Tenha os efeitos dos terpenos em consideração quando seleciona uma estirpe de marijuana medicinal.

Choose Your Medical Marijuana Seeds

Cultivar marijuana medicinal: um guia

Já chegou até aqui. Terá todo o equipamento, um conhecimento recém adquirido de marijuana medicinal e agora está pronto para arrancar. Abaixo, ficará a saber como transformar estas sementes em plantas grandes que se dobram sobre o peso dos seus brotos!

Onde cultivar marijuana medicinal

Onde bem lhe apetecer! Bem, dentro do contexto das leis draconianas.

Terá muito mais controlo sobre um ambiente de cultivo interior, enquanto as plantas de exterior estão expostas a clima adverso, pragas e vizinhos metediços. Contudo, ter as luzes, humidificadores e ventoinhas a funcionar certamente que lhe custará mais dinheiro.

Contudo, não precisa de uma divisão extra ou de um jardim idílico voltado para sul para cultivar erva. Pode ser inventivo e cultivar em praticamente qualquer ponto, desde varandas e telhados até prados e clareiras na floresta.

Algumas dicas para o seu jardim de canábis medicinal ou divisão de cultivo

1. Evite pesticidas

Na Royal Queen Seeds, recomendamos uma abordagem orgânica. Além de isto ajudar a minimizar a exposição a pesticidas enquanto utiliza canábis, também impede que as pragas saiam dos nossos jardins e prejudiquem o ecossistema mais abrangente.

O óleo de neem serve como uma forma totalmente natural de defender a sua planta de canábis contra algumas pragas.

O fungicida Propolix oferece uma forma totalmente natural de os cultivadores eliminarem variedades fúngicas irritantes.

2. Aproveite os micróbios para imitar a natureza

A natureza é que sabe. As plantas não crescem isoladamente nos bosques. Ao invés, uma grande rede simbiótica de vida assegura que tudo prospera. Ao aplicar fungos micorrizas e bactérias benéficas ao seu solo, melhorará a ingestão de nutrientes, a resistência a patógenos e à saúde e estrutura do solo no geral.

A Few Tips for Your Medical Cannabis Garden or Grow Room

3. Transmute os resíduos para ouro preto

Inicialmente, precisará de comprar composto para vasos. Mas indo mais além, pode cortar neste encargo fazendo a compostagem dos seus restos de cozinha e resíduos de papelão.

A chave do bom composto? Aponte para um equilíbrio de materiais. Um rácio 1:1 de material castanho para verde funciona bem. Enquanto o material castanho atua como uma fonte de carbono, o material verde acrescenta azoto à pilha.

4. Uma palavra sobre a rega

Frequentemente, muitos cultivadores iniciantes regam em demasia as suas plantas. Pode parecer inofensivo, mas pode aumentar significativamente as probabilidades de apodrecimento da raiz. Para evitar a rega excessiva, recomendamos que siga uma regra dourada: aguarde simplesmente que os 5 cm do topo do solo sequem antes de regar novamente.

Também pode pesar os recipientes da sua planta para ficar com uma ideia de quanta água resta no meio de cultivo. Pese a sua planta imediatamente após regar e novamente, mais ou menos, uma vez por dia. Quando a maioria do peso da água se tiver dissipado, terá de regar novamente as suas plantas.

Como cultivar marijuana medicinal

Não há nenhuma diferença entre cultivar plantas ricas em THC e ricas em CBD. Elas comportar-se-ão exatamente da mesma forma.

Está pronto para colocar estas dicas na prática?

Germinação

Para espoletar a germinação, precisará de expor as suas sementes a condições húmidas. As sementes também respondem melhor a temperaturas favoráveis. Aponte para condições que se seguem para otimizar a germinação da semente:

  • Temperatura: 22–25 °C
  • Humidade relativa: 70–90%

Na Royal Queen Seeds, recomendamos que utilize os nossos kits de iniciante feminizados e autoflorescentes. Estes contêm tudo o que precisa para germinar as sementes com êxito.

Germination

Fase vegetativa

Durante a fase vegetativa, as plantas dedicam a sua energia a produzirem grandes folhas lança, ramos e caules. Assim que as suas plântulas desenvolverem algumas folhas verdadeiras, terá de as transplantar para uma casa maior.

  • Mistura para vasos: terá de criar uma mistura para vasos ligeira adequada para o tipo de plantas que está a cultivar. As estirpes fotoperiódicas gostam mais de um meio de cultivo rico, enquanto as misturas para vasos para as autoflorescentes devem possuir maiores quantidades de perlite, turfa e vermiculite, e menos composto. Em qualquer dos casos, as plantas vegetativas têm uma procura elevada por azoto.
  • Nutrientes: no início da fase vegetativa, recomendamos que misture 50–100 g de Easy Boost em cada 20 litros de solo, em conjunto com os micróbios benéficos mencionados acima. Durante o resto da fase vegetativa, os comprimidos Easy Grow Booster ajudarão a preencher os requisitos nutricionais das suas plantas. Dado que as autos não precisam de assim tantos nutrientes, deve cortar para metade a dose recomendada de cada produto.
  • Iluminação: as plantas crescem rapidamente durante a vegetação, por conseguinte, terá de manter uma distância consistente entre o topo da cobertura e a sua fonte de iluminação. Quando se trata da altura, manter as suas luzes ligadas por 18 horas e desligadas por 6 horas num ciclo consistente ajudará a alimentar o crescimento adequado durante a vegetação.
  • Humidade: as plantas vegetativas prosperam numa humidade relativa de 40–70%.
  • Temperatura: aponte para manter uma temperatura entre 20–26 °C.
Vegetative Stage

Fase de floração

As coisas começam a ficar extremamente excitantes durante a fase de floração. Se estiver a cultivar plantas autoflorescentes, elas atravessarão com total satisfação a floração sob um ciclo de luz 18/6 mesmo até à colheita. Se estiver a cultivar uma variedade fotoperiódica, cultivada no interior, terá de trocar para um ciclo de iluminação 12/12 para iniciar e manter a floração. Se estiver a cultivar no exterior, a mãe natureza ditará à planta quando deve entrar na fase de floração (por volta de meados de julho).

  • Mudar os nutrientes: as plantas de canábis em floração requerem menos azoto e mais fósforo e potássio. Por este motivo, terá de trocar para o Easy Bloom durante a fase de floração. Uma vez mais, metade da dose para as plantas auto.
  • Humidade: reduza a humidade relativa para 40–50% para minimizar o risco de formação de bolor.
  • Temperatura: aponte para manter uma temperatura estável de 26 ºC.
Flowering Stage

Lavagem

Deixe de alimentar as suas plantas de canábis duas semanas antes da colheita. Isto indicar-lhes-á que devem utilizar todos os nutrientes residuais contidos no meio de cultivo e nas suas células, resultando num paladar melhorado e em passas mais suaves.

Flushing

Colheita

A colheita tem tudo a ver com a altura. Mantenha-se atento a estes sinais essenciais para saber quando deve fechar a torneira:

  • As folhas lança começarão a amarelecer devido à lavagem.
  • Aquelas joias (tricomas) pequenas e cintilantes nas flores mudarão a aparência, trocando de translúcidas para leitosas. Utilize um microscópio de bolso para acompanhar a sua maturidade.
  • Consegue ver essas estruturas fibrosas nos seus brotos? Elas designam-se por pistilos. Eles escurecerão quando se aproximar da hora da colheita.

Assim que tiver determinado qualquer é a altura certa, precisará de colher fisicamente os seus brotos. Alguns cultivadores cortam as plantas pequenas pela base e penduram-se durante toda a secagem. Há outros que preferem utilizar tesouras de poda para removerem cada flor antes da secagem e da cura. Isto pode ser feito de uma assentada ou ao longo de vários dias, para uma colheita progressiva.

Harvest

Secagem e cura

Colheu as suas flores. Agora, precisa de as proteger do bolor, prolongar a sua vida útil e realçar o seu sabor.

Como utilizar a marijuana medicinal

Agora a melhor parte! Pode finalmente dar um uso aos frutos do seu trabalho. Tal como com inúmeras estirpes e muitas formas de cultivar erva, há inúmeras formas de a utilizar. Consulte algumas das formas mais populares de utilizar a marijuana medicinal abaixo.

Fumar

fumar um charro é, talvez, a forma mais quintessencial de consumir a canábis. Muitos consumidores consideram o processo de moer, enrolar e fumar como sendo ritualista e terapêutico. Este método de administração oferece um início rápido dos efeitos, dado que os canabinoides e terpenos obtêm acesso instantâneo à corrente sanguínea. No entanto, acarreta o contratempo óbvio de carcinogéneos prejudiciais para a saúde.

Vaporização

a vaporização utiliza temperaturas mais baixas do que fumar. Ao invés de queimar a matéria vegetal, esta aquece as flores o suficiente para libertar fitoquímicos como os canabinoides e terpenos. A vaporização oferece um início rápido dos efeitos, simplesmente sem a exposição a carcinogéneos.

Comestíveis (Oral)

pode utilizar a sua colheita para ser criativo na cozinha. Ao descarboxilar os seus brotos e ao cozinhar um lote de manteiga de canábis, pode infundir canabinoides em praticamente qualquer prato, desde brownies até molho de massa. Contudo, tenha em consideração que os comestíveis oferecem uma moca muito mais potente. Os canabinoides orais passam pelo fígado, onde transforma o THC na molécula psicotrópica mais poderosa 11-hydroxy-THC. Prepare-se para uma experiência mais duradoura e mais intensa.

Sublingual

não lhe apetece cozinhar? E que tal preparar extratos? Os óleos e tinturas são uma forma útil de ingerir canabinoides em casa ou enquanto se desloca. Além disso, pode utilizá-los para tirar partido da administração sublingual. Este caminho envolve colocar produtos sob a língua. Aqui, eles difundem-se pela camada mais fina de tecido e passam diretamente para a corrente sanguínea, resultando num início rápido dos efeitos enquanto contorna o fígado.

Lembre-se: qualquer um pode cultivar a sua marijuana medicinal

Também o conseguirá fazer. O cultivo de marijuana medicinal não obriga a dispor de capacidades mágicas. Obterá novas competências e noções a cada cultivo. Eventualmente, desenvolverá um método personalizado que lhe permite alcançar com sucesso plantas produtivas. Feliz cultivo!

Tem 18 anos ou mais?

Os conteúdos da RoyalQueenSeeds.com são aconselháveis apenas para adultos e reservados a pessoas com idade legal.

Certifique-se que conhece as leis do seu país.

Ao clicar ENTRAR, confirma
que tem
18 anos ou mais.

Grow Guide Topic Finder

eKomi silver seal
4.7 de 5
com base em 37834 avaliações